Financiamento coletivo no Brasil – Blog do Catarse

Assinaturas / Dados

Boletim #3: Jornalismo no Catarse Assinaturas

Seguindo as tendências apresentadas no Boletim #1 e Boletim #2, tivemos um Janeiro de crescimento para a comunidade de jornalismo no Catarse Assinaturas.

Esse crescimento foi puxado, principalmente, por novas assinaturas para o Intercept Brasil, que fortalecem a comunidade ao trazerem leitores para a dinâmica de assinaturas. No entanto, não foi só isso, já que outras 14 campanhas entraram no ar durante esse mês, um recorde para a categoria.

Agradecemos aqui, pelo terceiro mês consecutivo, a confiança em fazer parte da comunidade do Catarse e mostrar que é possível com transparência, credibilidade e jornalismo de qualidade desenvolver um novo modelo de sustentabilidade para a geração de conteúdo no Brasil.

Acompanhamento das assinaturas ativas por mês

Em Janeiro, tivemos uma redução de crescimento mensal em relação aos meses anteriores, mas seguimos uma tendência forte de alta.  Em relação a Dezembro, tivemos um crescimento de 38,57% no valor arrecadado, já no que diz respeito ao número de assinaturas ativas, o crescimento foi de 34,97%.

Fechamos Janeiro com 8020 assinaturas ativas. Em valor, estamos próximos a 150 mil reais distribuídos para criadores, R$ 148.083,84 para ser mais exato.

Já com relação ao ticket médio, continuamos a ver uma tendência de alta, tendo Janeiro fechado em R$18,46 – um aumento de 2,66% em relação ao ticket de Dezembro.

Captura de Tela 2019-02-11 às 14.14.33

Campanhas que se destacaram em Janeiro

O Intercept continua sendo um grande exemplo para a comunidade de jornalismo. Com transparência e um jornalismo pedrada, o veículo ultrapassou a incrível marca de R$50.000 em assinaturas mensais, vindas de mais de 1800 leitores e assinantes.

A campanha que fez sua pré-campanha durante o mês de janeiro e soltou sua divulgação oficial hoje, já conta com mais de 23 assinaturas ativas e um total de R$511 reais. Isso é só o começo, elas estão em busca de sustentabilidade para continuar a ajudar as mulheres a navegar pelo mundo da tecnologia, da internet e da cultura digital com mais autonomia.

Mostrando a força do jornalismo local de Curitiba, o Caixa Zero quase dorbou o número de assinantes no último mês, chegando a 712 assinantes no Catarse. Com isso, a equipe já conseguiu lançar a própria plataforma: Plural.jor.br.

O jornal isento de verdade chegou ao Catarse em Janeiro, após o fim da mamata do PT. Ao longo de Janeiro, alcançaram um total de 187 assinantes e agora vão em busca da meta de ter todo o trabalho pago via assinantes.

 

A Multidão

Na semana passada enviamos uma pesquisa sobre a possibilidade, uma hipótese, de um projeto para financiar uma equipe focada em trabalhar esse momento de mobilização inicial da Multidão.

Compartilho com vocês agora os resultados que obtivemos:

  • Num exercício de imaginação, se o questionário fosse uma solicitação de apoio financeiro para uma campanha online de financiamento coletivo, teríamos levantado cerca de R$ 3.400 reais junto a 94 apoiadores e apoiadoras segundo pesquisa respondida por 115 pessoas.

  • 81,7% das pessoas responderam que apoiariam a campanha para nos ajudar a manter um time de mobilização e 18,3% disseram que não apoiariam.

  • O apoio médio do apoio nesse campo amostral de respostas seria de R$36

  • 10,6% afirmaram que apoiariam com mais de R$100

  • 55,3% das respostas se concentraram nas opções de R$25 e R$50 de apoio

  • Os incentivos, recompensas mais atrativas pela participação nessa eventual campanha para ajudar a Multidão, foram a possibilidade de acesso a grupos exclusivos, a sensação de estar agindo e fazer parte de uma rede que causará impacto.

  • 70,5% das pessoas não veriam problemas se a Multidão recebesse aportes de terceiros para esse momento inicial a fim de acelerar sua implementação. Esse número sobe para 90% se as pessoas tiverem a segurança de que aportes de terceiros seriam transparentes e não comprometeriam a liberdade editorial, autonomia e independência da Multidão no futuro.

  • Cerca de 10% das pessoas não gostam da ideia de aportes de terceiros.

Estamos trabalhando para entender mais detalhes dessas duas opções, seja através de uma campanha própria e/ou da busca por aporte de terceiros, que nos ajudaríam a manter e evoluir o trabalho da Multidão. Nas próximas semanas traremos mais notícias.