Financiamento coletivo no Brasil – Blog do Catarse

Browsing Category Geral

Geral / Histórias de Projetos

Você decide, Nós investigamos

Por Natalia Viana, codiretora da Agência Pública

Em 2015, quando publicamos a reportagem “A Nova Roupa da Direita”, recebemos centenas de leitores recém-chegados à nossa página do Facebook, ainda incrédulos com as revelações. Seguindo a trilha do dinheiro, a nossa diretora de redação Marina Amaral descobriu que grupos que na época capitaneavam os protestos pelo impeachment de Dilma Rousseff se dizendo “indignados” com a corrupção, como o MBL, foram gestados por think tanks de ultradireita dos Estados Unidos.

Um deles quis desmerecer o trabalho de investigação, perguntando: afinal, QUEM financia a Agência Pública, a primeira agência de jornalismo investigativo do Brasil?

Continue reading

Geral / Histórias de Projetos

Eles largaram multinacionais e se juntaram à Roberta Sudbrack para lançar o novo produto da Deli&Co

Arthur Pitchon e Flavio Calic se conheceram quando tinham 3 anos, em uma escola infantil em Belo Horizonte. A amizade entre eles caminhou nas diferentes etapas de suas vidas. Adolescentes, estudaram juntos num curso técnico de administração no Sebrae-MG. Posteriormente, Arthur trabalhou na GE, de estagiário a gerente de projeto de TI. Flávio trabalhou no RH de algumas empresas do Grupo FIAT. A vontade de empreender sempre falou alto em suas vidas e as ideias de negócios recorrentemente se tornavam pauta em suas conversas.

Apaixonados por comida, eles criaram em 2016 a Deli&Co, com a missão de inspirar criatividade e encorajar a experiência na cozinha, democratizando produtos de alta qualidade e conhecimentos sobre culinária por meio de conteúdos online.

Continue reading

Dicas de Campanha / Geral / Histórias de Projetos

Este jovem poeta irá doar 100 exemplares de seu primeiro livro para bibliotecas comunitárias

Poetas são pessoas com sensibilidade extra. E, algumas vezes, essa forma generosa de enxergar a vida transborda o papel. O escritor Bruno Fontes, que tem campanha no ar para publicar seu primeiro livro de poemas, decidiu doar 100 exemplares do título inédito O Que Eu Faço com a Saudade? para bibliotecas comunitárias, ONGs e outras instituições ou pessoas que sejam apaixonados por livros.

Continue reading

Geral / Mundo Crowd

Novos Jogos da América Latina (sob o olhar atento de um blogueiro Geek da Alemanha)

Traduzimos o texto em alemão publicado originalmente no blog Du Bist Dra, que traz consigo um olhar estrangeiro sobre a produção latino-americana de jogos de tabuleiro. O Labyrinx, que já passou pelo Catarse esse ano, é um dos jogos que são descritos ao longo do texto!

Por HilkMAN

—–

Depois da boa recepção aos meus primeiros artigos de panorama, apresento, como prometido, a continuação. Consegui mais uma vez fazer alguns contatos, e tive notícias de projetos interessantes.

Argentina

No dia 6 de maio aconteceu em Buenos Aires o terceiro festival “Geek Out!”, que, de acordo com o que li na internet, foi um evento grande e bem legal. Continue reading

Geral / Mundo Crowd / Novidades Catarse

R$60 milhões apoiados a criadores independentes no Catarse

Desde 2011, mais de 390.000 pessoas já apoiaram pelo menos um projeto no Catarse, dando a oportunidade para mais de 4500 ideias saírem do papel. Todo esse movimento da comunidade nos fez alcançar uma importante marca nesse mês: ultrapassamos os R$60 milhões destinados a criadoras e criadores independentes no Catarse. Um recorde do financiamento coletivo brasileiro.

Mas financiamento coletivo não é só sobre dinheiro. É sobre pessoas. É sobre oferecer aos criadores a oportunidade de investir mais tempo de suas vidas fazendo aquilo que os enchem de tesão. É sobre proporcionar aos apoiadores a chance de construir ativamente uma comunidade que está revolucionando a forma de viabilizar projetos no Brasil. Continue reading

Geral / Mundo Crowd

#FicaFIQ

O Festival Internacional de Quadrinhos completa 20 anos em 2017 e é o principal evento de Quadrinhos do Brasil, reunindo a cada dois anos, na cidade de Belo Horizonte, quadrinistas, editores e, especialmente, o público de leitores.

Aqui no Catarse temos uma relação especial com o FIQ: no festival de 2011 foi lançada a primeira HQ financiada coletivamente no Brasil: Achados e Perdidos, do Damasceno e do Garrocho. Este foi o pontapé para o início da construção de comunidade de apoiadores e realizadores no Catarse.

Desde então, 272 novos quadrinhos foram viabilizados no Catarse com o apoio de 40 mil pessoas. Juntas, elas contribuíram com R$4,8 milhões. E esses números continuam subindo.

Em 2015, no último FIQ, arrepiamos quando ouvimos da boca do Mauricio de Sousa: “Onde estava o Catarse quando eu comecei?”.

Na última semana, a prefeitura de Belo Horizonte, responsável pela maior parte orçamento do evento, não incluiu o FIQ na verba de cultura para o município em 2017, tornando real a possibilidade do festival não acontecer esse ano.

Acreditamos em espaços que possibilitem uma troca direta entre artista e público. E por isso, fazemos coro com os artistas e entusiastas que se posicionaram: #FicaFIQ!

Geral / Histórias de Projetos

Financiamento coletivo é caminho para Ativismo Socioambiental

O ativismo sofre de muito amor e pouco dinheiro. Indivíduos, grupos e organizações ativistas muitas vezes exercem suas funções com pouca ou nenhuma remuneração, e dependem de voluntários e de doações para seguirem em suas lutas diárias.

Apesar de ser oxigênio para transformações positivas que queremos ver na sociedade, o ativismo não é uma prática muito sedutora para o sistema tradicional de patrocínio cultural de empresas ou de editais públicos. Isso acontece, em grande parte, porque ativistas discutem justamente a contribuição de grandes corporações e do governo na construção dos problemas sociais, ambientais e econômicos que vivemos. E desafiam estes problemas através de ações diretas, campanhas, ações de comunicação e articulações comunitárias, buscando pressionar os tomadores de decisão e fortalecer a sociedade civil. Continue reading