Financiamento coletivo no Brasil – Blog do Catarse

Histórias de Projetos / Mundo Crowd

Impulso e o crowdfunding para microempreendedores

Por Lina Useche 

impulso

Enfrentamos uma realidade no Brasil: 40% da economia é informal e, com isso, 15,7 milhões de empreendedores têm grandes dificuldades em fazer seu negócio prosperar. Eles carecem de acesso a tecnologias, conhecimentos de negócios, comercialização, e muitos outros. Quando focamos na dificuldade de acesso a capital e crédito, falamos de 84% desses empreendedores.

Antes de falar do Portal Impulso, seu lançamento e de como ele está funcionando hoje, vou contar um pouco da história da Aliança Empreendedora e quais foram as decisões que nos fizeram chegar até aqui.

Fundei a Aliança Empreendedora em 2005, junto com outros 6 jovens. A Aliança é uma organização que apoia microempreendedores de baixa renda em todo o Brasil, ampliando o acesso a conhecimento, crédito e comercialização. Nesses 7 anos de trabalho, nossa equipe aumentou de 7 para 70 pessoas, e já apoiamos mais de 7 mil microempreendedores, sendo 270 deles com acesso a capital.

No final de 2006, iniciamos um pequeno fundo de microcrédito para apoiar os microempreendedores já beneficiados pela Aliança Empreendedora. Em pouquíssimo tempo percebemos que os microcréditos estavam produzindo excelentes resultados, e decidimos começar nossa operação de microcrédito própria. Então, em 2008, com a operação de crédito já organizada e atuante, começamos o construir website Impulso (www.impulso.org.br) – ÊÊÊêêê!!! Ele foi lançado em novembro de 2010 e começou com o objetivo de apoiar 30 empreendedores através da internet, com o modelo inspirado no site Kiva. Qualquer pessoa podia doar para um microempreendedor cadastro, quando o valor solicitado atingisse 100%, o empreendedor retirava o crédito, e à medida que ele fosse pagando, o valor ia voltando virtualmente para a conta do “investidor”.

Durante o ano de 2011, ainda operando crédito na base, fora a campanha de Natal e a parceria com a rede social Orkut, que lançou o selo “Anjo Investidor Social”, a comunicação do site rolou de forma orgânica, e no fim de 2011, 100% dos empreendedores que estavam no Portal Impulso foram financiados por 1.200 pessoas.

Mesmo com esse resultado, em nosso Planejamento Estratégico para 2012, percebemos que o site estava muito restrito no microcrédito, recebendo apenas cadastros de empreendedores através de organizações de microcrédito. Tendo em vista que a Aliança Empreendedora tem em sua rede 28 ONGs parceiras em todo o país, que replicam a nossa metodologia de apoio a microempreendedores brasileiros e que dessas organizações, apenas duas são de microfinanças, só elas tinham acesso a captar recursos para seus empreendedores pelo Impulso, só essas duas.  Decidimos então, fazer grandes mudanças no site para torná-lo mais acessível para a nossa rede inteira.

Em fevereiro de 2012 começamos a construir a nova versão do site Impulso em parceria com a Engage.is e a Itaipu Binacional. O novo site, lançado dia 11 de junho, permite que microempreendedores captem recursos através do site e ofereçam algumas recompensas criativas a seus apoiadores, assim como o catarse.me. Abrindo espaço assim, para microempreendedores jovens, inovadores, com projetos mobilizadores e de impacto! Além de qualquer organização aliada poder incentivar que seus microempreendedores enviem projetos, as próprias ONGs que apoiam microempreendedores e querem captar recursos para seus projetos de apoio também. Com este novo modelo, a meta é expandir o impacto à medida que abrimos as possibilidades para o financiamento, já que o modelo de microcrédito era mais restritivo.

A campanha está no ar! Assista aqui ao vídeo da campanha,  acesse o nosso site, curta nossa fanpage  e transforme a vida de microempreendedores no Brasil!

Lina Useche é co-fundadora da Aliança Empreendedora, fundadora do Portal Impulso, e atual Diretora Executiva da Aliança Empreendedora.