Financiamento coletivo no Brasil – Blog do Catarse

Geral

O fim da Kombi e as Kombosas financiadas coletivamente

Alice indo pro fim

Ela levou hippies em busca de sonhos, surfistas à procura de ondas, crianças a caminho da escola, trabalhadores de todo o mundo e cargas de inúmeros tipos, mas a longa e linda viagem da Kombi chegou ao fim. Lançada pela Volkswagen em 1950 e produzida desde 1957 no Brasil, último país a ainda fabricar o modelo, o icônico utilitário deixou de ser feito a partir de 2014 por não atender à medida de segurança do governo federal que obriga todos os carros nacionais a terem freios ABS e airbag.

O nome Kombi vem do alemão Kombinationsfahrzeug que quer dizer “veículo combinado” ou “veículo multi-uso”. Por combinar simplicidade, utilidade, força e baixo custo de manutenção, a Kombosa há muito passeia pelo imaginário coletivo associado a ideais como liberdade, coletividade e companherismo. Esse conjunto de símbolos, conceitos e memórias influenciaram as mentes criativas de gerações e algumas delas vieram ao Catarse em busca da Kombi dos seus sonhos.

O Mundo é uma Kombi

994311_627327790621042_1636952540_n

Emilio Zagaia e Felipe Costa queriam descobrir que é felicidade na América Latina. Para isso, resolveram fazer um documentário de uma viagem por 17 países do México até o Brasil a bordo de uma Kombi alemã 1971 pintada de verde e amarelo e batizada de Caipirinha. A viagem rolou ao longo de 2012 e foi toda relatada em um blog da Trip. O filme foi lançado no final do ano passado.

 

Uma Kombi para as mulheres da AMA

kombi da Ama

Associação de Mulheres Agroecológicas da comunidade rural Horto do Vergel, em Mogi Mirim, no interior de São Paulo, precisava de uma Kombi para levar sua produção orgânica até as feiras locais e regionais. No Catarse, conseguiram levantar o dinheiro, mas não foram apenas os 141 apoiadores que decidiram ajudar. O Luciano Huck  viu o projeto, chamou o grupo para participar do seu programa e resolveu dar todos os equipamentos da cadeia de produção e mudou o nome para Marias da Terra.

 

Vou de Kombi pelo mundo 

1382006_462600843853716_1186725829_n

A bordo da Alice, uma Kombi adaptada para casa-escritório, com painéis solares e selo Carbon Free de compensação de emissões, Inês e Franco rodaram 60 mil quilômetros pelo Brasil, visitaram 400 cidades e relataram a viagem no historiasdealice.com.br. Para a próxima aventura, de percorrer 200 mil km, por quatro continentes em cinco anos, eles conseguiram contribuições através do Catarse para custear os R$ 6.500,00 da primeira travessia oceânica da Colômbia ao Panamá. Você pode acompanhar a viagem deles no Vou de kombi.

Kombi da Gandaia

Kombi da Gandaia

Os blocos de Carnaval de rua de São Paulo Kaya na Gandaia e Unidos Venceremos se juntaram para fazer uma campanha para comprar a Kombi da Gandaia! O palco perfeito não só para os seus desfiles, mas também para eventos musicais gratuitos em espaços públicos da cidade.

 

The Bus Movie

O cineasta Damon Ristau levantou U$ 25 mil para fazer um filme sobre a Kombi e tentar entender como um veículo utilitário alemão do pós-guerra chegou a representar liberdade em todo o mundo. Mais informações em www.busmovie.com